Arrancada: 100% de vitórias FuelTech na volta ao Velopark!

junho 25, 2021

Depois de quatro meses de paralisação, em função de complicações da pandemia, as provas de arrancada voltaram ao complexo Velopark, em Nova Santa Rita (RS). A etapa de retorno, que marcou a abertura oficial da temporada 2021, ocorreu entre os dias 18 e 20 de junho, com 150 carros inscritos e percurso de aceleração de 201 metros.

Para nós, da FuelTech, foi uma prova especial, já que os carros equipados com nossos produtos se sagraram vencedores em todas as categorias. É isso mesmo: fechamos o fim de semana com 100% de aproveitamento! Os produtos FuelTech não estavam presentes apenas nos carros vencedores nas categorias de dragster (júnior e adulto), que utilizam sistemas diferentes.

Com constante ameaça de chuva, a prova não contou com a fase eliminatória e os resultados foram definidos conforme os melhores tempos ao longo de três sessões classificatórias. A arrancada no Velopark terá ainda outros três encontros em 2021. A próxima etapa acontece de 20 a 22 de agosto.


O carro mais rápido do Brasil

O único recorde do fim de semana renovou uma marca expressiva para Roderjan Busato, da equipe Speed Unlimited: o paranaense virou 3s849 com seu Camaro Pro Mod de motor V8 Hemi biturbo e confirmou a condição de carro mais rápido do Brasil. A marca, com velocidade final de 310 km/h, é um milésimo superior àquela estabelecida anteriormente pelo próprio Busato.

O fim de semana ainda marcou a estreia de Diego Busato, irmão de Roderjan, na Pro Mod, com seu Camaro recordista na categoria Traseira Super (TS). A dupla disputou na pista com outro Camaro, de Jader Krolow, que trouxe de volta às pistas seu Chevy Nova. Agora com motor V8 nitro, o Nova venceu pela categoria TS, com belos duelos contra o Dodge Challenger de André Carrillo.


Opalas: troca de pilotos e recorde em 201m

Sempre festejada pelo público, a categoria Turbo Traseira A teve uma inusitada troca de pilotos no fim de semana. Diante da impossibilidade de Adriano Steffani pilotar seu Opala #81, o comando do carro foi assumido por Celso Camargo, que cedeu seu Opala #101 para Fábio Costa. O curitibano aproveitou a oportunidade e venceu a prova. Outro destaque foi o novo carro do catarinense Israel Fontanella, conhecido como Black Metal.

Já a categoria XTM, futura casa do Opala Metal do mesmo Fontanella, viu o retorno de outro famoso Opala às pistas, o de Rodrigo Leal, o Perigoso. Em sua melhor passagem, ele cravou o tempo de pista de 4s443, o melhor de um Opala em pistas brasileiras em 201m. A melhor marca de um exemplar do modelo pertencia a Jader Krolow, em 2015, com Opala V8 biturbo da Speed Unlimited, com 4s476. 

Ainda na XTM, Bianca Pires voltou às pistas com sua nova Chevrolet S10 e fechou na quinta posição, logo atrás do Dodge Dart de Cláudio Castañon, que orgulhava-se de passar a ser, neste fim de semana, o primeiro carro com motor V8 do planeta a utilizar válvula wastegate eletrônica. 

Temporais (na pista) até depois da prova

Após às 18h de domingo (20), ao término da terceira classificatória, a organização autorizou uma sessão de treinos livres, em que muitos pilotos aproveitaram para acelerar pela última vez no fim de semana. E muitos deles obtiveram excelentes desempenhos.

Ricardo Righi, que venceu na classe Força Livre Dianteira com o Gol preparado por sua equipe, a RCR Motores, atingiu no pós-prova a marca de 4s8 em tempo de pista, que já havia rendido a ele o recorde da categoria em outra ocasião. Já o Astra #229 de Alex Moreton, da equipe 333, virou exatos 5s600, marca que representa recorde extra-oficial da categoria Dianteira Turbo A.

 

Confira abaixo a lista de pilotos vencedores, com seus respectivos carros e equipes, da 1ª etapa da Arrancada Velopark em 2021:


DS: Evanir Fortunato (Gol #747 )

DTA: Cristiano Duarte (Gol #233 - 333 Motorsport)

DTA-L: Aldo Hiroshi (Gol #111 - Teruo Motorsport)

DTB: Fábio Zarbielli (Gol #66 - GCR)

DTC: Fernando Defendi (Gol #85 - Mecânica Longuinho)

FLD: Ricardo Righi (Gol #388 - RCR Motores)

FLT: Bruno Damásio (Chevete #55 - Garage 55)

PM: Roderjan Busato (Camaro #174 - Speed Unlimited) 

ST: Ricardo Zancanaro (Gol #770)

STL: Bruno Ribeiro (Gol #27 - Columbia

STT: Vilson Ferreira (Opala #231 - Julieta)

TO: Moisés Bortolan (Opala #17 - Rhonaldo)

TTA: Fábio Costa (Opala #101 - Julieta)

TTB: Ricardo Borba (Chevette #115 - Kittler)

TS: Jader Krolow (Nova #938 - Boss Drag Race)

TST: Cezar Augusto Ferreira (Chevette #13 - Julieta)

XTM: Rodrigo Leal (Opala #777 - ProAuto)

Desafio Racing: Ruberval Salazar (Gol #333)

Desafio Street: Jackson Oliveira (Gol #1001 - Neguinho)

Fotos: DragsterBrasil.com



Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Leia Mais!

Eles começaram suas carreiras aqui: histórias de estágio na FuelTech!
Eles começaram suas carreiras aqui: histórias de estágio na FuelTech!

julho 19, 2021 1 Comentário

Estagiários e aprendizes sempre tiveram espaço na FuelTech. Confira aqui duas histórias de membros de áreas distintas do nosso time que desde o estágio constroem suas carreiras conosco.

Clique e confira!

NOVA ATUALIZAÇÃO 4.7!
NOVA ATUALIZAÇÃO 4.7!

julho 15, 2021

Controle por referência externa, pacote de motos, integração Dynojet e outras NOVIDADES, confira!

Clique e confira!

Endurance: FuelTech vence e faz 1-2-3-4 na categoria dos protótipos mais velozes no Velopark
Endurance: FuelTech vence e faz 1-2-3-4 na categoria dos protótipos mais velozes no Velopark

julho 08, 2021

AJR de Vicente Orige e Gustavo Kiryla venceu prova de quatro horas no Velopark, com quatro carros equipados com FuelTech nas quatro primeiras posições da P1, a classe principal do Endurance

Clique e confira!