Endurance: FuelTech vence e faz 1-2-3-4 na categoria dos protótipos mais velozes no Velopark

julho 08, 2021

Os carros equipados com FuelTech deram show mais uma vez no Império Endurance Brasil, categoria que reúne os carros mais rápidos do automobilismo nacional. Na terceira etapa do campeonato, disputada no último dia 3 de julho, no Autódromo Internacional Velopark, em Nova Santa Rita, quatro máquinas com gerenciamento eletrônico comandadas por ECUs fabricadas pela FuelTech ocuparam as quatro primeiras posições na P1, a categoria dos protótipos mais velozes da competição.


Assim como havia ocorrido na prova anterior, em Curitiba (PR), o fim de semana foi de dobradinha da equipe MotorCar. Desta vez, quem levou a melhor foi o AJR #444 de Vicente Orige e Gustavo Kiryla, que largou na pole e havia chegado em segundo lugar na prova disputada em solo paranaense, nesta que foi a primeira vitória de Kiryla na categoria e a primeira de Orige desde março de 2019. Eles foram seguidos dos companheiros de equipe Marcelo Vianna, Lucas Kohl e Emílio Padron, com o AJR #11.


A terceira posição na prova de quatro horas de duração na P1 foi do AJR #65 da NC Racing, com Nílson e José Roberto Ribeiro, pai e filho campeões gerais do Endurance em 2019 e que finalizaram na quarta posição na geral. Já o quarto lugar na categoria foi do AJR #46, da Mottin Racing, pilotado por Andersom Toso e os primos Pedro e Christian Castro, que finalizaram na sétima posição na geral. Além deles, utiliza módulos FuelTech na classe principal o AJR #26, também da equipe Mottin, de Gustavo Martins e Oswaldo Scheer, que abandonou no Velopark.


Sistema pioneiro

O AJR de Orige e Kiryla, cujo gerenciamento eletrônico é comandado por uma FuelTech FT600, tornou-se o primeiro a usar e a vencer com uma função que vem sendo testada de forma pioneira no carro desde a pré-temporada de 2021. Neste sistema, o módulo eletrônico que comanda as trocas de marcha é substituído pela própria ECU.

“A FT600 substitui o módulo que era responsável pela troca de marchas. Assim, quando o piloto processa a troca de marcha pelo sistema paddle shift, a própria ECU faz a leitura do movimento, processa a informação e aciona os solenoides do câmbio para aumentar ou reduzir as marchas, em total integração dos controles do powertrain do carro”, explica o técnico do suporte FuelTech, Vinícius Rebello, que presta assistência aos nossos clientes nas provas da categoria.


Há dois anos, Rebello se faz presente em todas as provas da categoria, como representante da empresa para solucionar problemas e aprimorar a performance dos carros por meio da eletrônica. “Temos conseguido desenvolver formas de uso cada vez mais eficientes dos nossos produtos e solucionado uma série de situações no ato, sem necessitar de análises posteriores, com agendamento prévio, que burocratizam o atendimento ao cliente”, frisa o técnico.


Eficiência e versatilidade

Além das máquinas da classe P1, equipadas com motor Chevrolet LS3 V8, o grid do Endurance no Velopark contou com outros dois carros equipados com FuelTech: o protótipo Sigma de Jindra Kraucher e Aldo Piedade Jr., na classe P2, com motor de quatro cilindros turbo, com cabeçote de Hayabusa, bem como o protótipo MRX de Marcelo Peixoto e dos irmãos Gustavo e Rafael Simon, com motor Honda K20, que foi pole na categoria P3.

“Temos grande satisfação em ver não somente o sucesso nas pistas de nossos clientes, mas o quanto conseguimos desenvolver nossos produtos com o Endurance”, frisa Rebello. “Muitas pessoas ainda associam a FuelTech, no esporte a motor, somente na arrancada, mas os grandes resultados no Endurance comprovam a versatilidade da FuelTech”, encerra. A próxima etapa do campeonato será no dia 7 de agosto, no circuito de Interlagos, em São Paulo (SP).

Fotos: William Inácio



Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Leia Mais!

Eles começaram suas carreiras aqui: histórias de estágio na FuelTech!
Eles começaram suas carreiras aqui: histórias de estágio na FuelTech!

julho 19, 2021 1 Comentário

Estagiários e aprendizes sempre tiveram espaço na FuelTech. Confira aqui duas histórias de membros de áreas distintas do nosso time que desde o estágio constroem suas carreiras conosco.

Clique e confira!

NOVA ATUALIZAÇÃO 4.7!
NOVA ATUALIZAÇÃO 4.7!

julho 15, 2021

Controle por referência externa, pacote de motos, integração Dynojet e outras NOVIDADES, confira!

Clique e confira!

Pressão não é nada sem controle: seis formas de você controlar a pressão do turbo em sua FuelTech
Pressão não é nada sem controle: seis formas de você controlar a pressão do turbo em sua FuelTech

junho 28, 2021

As ECUs da linha Power FT possuem BoostController integrado. E, com ele, formas diferentes para você controlar a ação da turbina sobre o motor do seu projeto!

Clique e confira!