FuelTech na primeira vitória de uma mulher no Endurance Brasil!

dezembro 01, 2020

Aos 23 anos, Bruna Tomaselli tornou-se a primeira mulher a vencer uma prova em uma categoria do Império Endurance Brasil, competição que reúne os carros mais rápidos do país e é a principal voltada a provas de longa duração em solo nacional. A catarinense triunfou na quinta e penúltima etapa do campeonato, disputada no último dia 28 em Curitiba (PR), ao lado dos parceiros Fernando Fortes e Fernando Ohashi. A vitória, na classe P3, veio a bordo do MRX #75, da equipe Satti Racing e equipado com FuelTech.

A conquista do trio foi emocionante: após uma saída de pista na primeira das quatro horas de prova, o protótipo teve que ir aos boxes fora das janelas obrigatórias de pit stop, com a carenagem frontal quebrada e um pneu furado. Mas a tripulação do carro, que ainda não havia vencido neste ano, não desistiu e foi recompensada a vinte minutos do fim quando o carro que havia largado na pole e liderava de ponta a ponta até ali, com Carlos e Yuri Antunes (pai e filho, respectivamente) e Marcelo Peixoto, passou a enfrentar problemas. O #75 assumiu a liderança e recebeu a quadriculada na nona colocação geral.

Apesar da derrota dramática, o resultado não deixou de ser positivo para o clã Antunes, que também compete com um MRX, de motor Ford Duratec 2,3L preparado pela equipe MotorCar e gerenciamento eletrônico FuelTech FT600. Com o segundo lugar na categoria, eles seguem na vice-liderança do campeonato e reduziram a liderança para o time que lidera na categoria. O protótipo #75 está em terceiro na tabela e também briga pelo título, mas somente com Fortes e Ohashi, já que Bruna Tomaselli juntou-se ao time somente na segunda etapa do ano.

O carro que ajudou a assegurar a primeira vitória de uma mulher em uma categoria do maior campeonato de endurance da América do Sul utiliza um motor Cosworth 2,3L aspirado, aos cuidados do preparador Eduardo Satti, o Sattinho. O gerenciamento eletrônico é comandado por uma FuelTech FT550, com leitura da sonda lambda feita por uma FuelTech WB-O2 Nano.

A FuelTech se orgulha de estar presente neste momento tão significativo para o automobilismo nacional e para a representação das mulheres no esporte. Acelera, Bruna!


FuelTech com sobrenome campeão do mundo

O fim de semana de provas em Curitiba também marcou a primeira participação em um carro equipado com nossos produtos de um piloto cujo sobrenome dispensa apresentações: Nelsinho Piquet, filho do tricampeão mundial Nelson Piquet e que, ao lado de Paulo Sousa, acelerou o protótipo MRX Tubarão #32, da classe P2. O bólido, campeão da categoria em 2019 com Sousa e Mauro Kern, largou na pole em sua categoria e terminou na segunda posição. A vitória ficou com outro carro equipado com FuelTech: o MRX #44, de motor Audi turbo, de Hardy e Lucas Kohl e Ruben Ghisleni, que assim assumiram a ponto no campeonato.

O carro pilotado por Piquet, campeão mundial de Fórmula E em 2015, é preparado pela equipe MC Tubarão e utiliza motor Ford Duratec 2.0 turbo. O bólido construído pela MetalMoro tem gerenciamento eletrônico comandado por uma FuelTech FT600 e utiliza ainda controlador FuelTech SwitchPanel-8, condicionador FuelTech EGT-8 CAN e FuelTech WB-O2 Nano em seu pacote. Já o carro vencedor do dia utiliza motor Audi 1.8 turbo e também possui gerenciamento eletrônico comandado pela FuelTech FT600.

A bordo dos carros mais rápidos

A passagem da categoria pela capital paranaense também teve carros com FuelTech como os mais rápidos do fim de semana. O mais veloz da classificação foi o AJR #65, da NC Racing, com Beto Ribeiro, que virou 1:10.691. O carro, no entanto, precisou largar do fim do pelotão, pois o companheiro de Beto, o pai Nilson, não pode estar presente na classificação: o voo que o traria de sua cidade, Campo Grande (MS), até Curitiba, foi cancelado pela companhia aérea.

Mesmo assim, a pole foi novamente de um carro com nossos produtos: o AJR #11, da JLM Racing, com Vitor Genz e Emílio Padron, que um dia antes da tomada celebrou seu aniversário de 57 anos. Estes dois protótipos AJR utilizam motores Chevrolet V8 LS3 preparados pela MotorCar e possuem gerenciamento eletrônico comandado pela FuelTech FT600.

Como em todas as etapas da competição, a FuelTech prestou assistência presencial aos seus clientes, com o técnico de suporte Vinícius Rebello. Dos 28 carros que largaram, nove estavam equipados com ao menos um de nossos produtos.

Confira um super vídeo com Vinicius Rebello do Suporte Técnico FuelTech e Geferson Kern o locutor das maiores provas automobilísticas do Brasil, na última etapa da Império Endurance Brasil no Velopark: 


A próxima etapa está prevista para o dia 19 de dezembro, em local a ser confirmado.

Fotos: Willian Ignácio 



Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.


Leia Mais!

Pole, vitória e dobradinha com FuelTech no Endurance em Curitiba
Pole, vitória e dobradinha com FuelTech no Endurance em Curitiba

junho 09, 2021

Vitória do AJR de Lucas Kohl, Marcelo Vianna e Emílio Padron, conquistada sobre os companheiros de equipe Vicente Orige e Gustavo Kiryla, foi definida na última volta da prova de quatro horas na capital paranaense

Clique e confira!

Inédito: FuelTech no Rally dos Sertões, de UTV e híbrido!
Inédito: FuelTech no Rally dos Sertões, de UTV e híbrido!

maio 28, 2021

O primeiro UTV fabricado no Brasil será também o primeiro híbrido para competição do planeta. Conheça esse desafio que tem a cara da FuelTech e vai marcar nossa estreia na maior competição off road das Américas

Clique e confira!

Humberto, o mais antigo na FuelTech: “aqui é um lugar de pessoas apaixonadas”
Humberto, o mais antigo na FuelTech: “aqui é um lugar de pessoas apaixonadas”

maio 21, 2021

Engenheiro e coordenador de P&D, Humberto Beck chegou a FuelTech em 2007, quando tínhamos sete funcionários. Hoje, a empresa tem mais de uma centena de colaboradores, mas ele garante: a essência dotada de dinamismo, diálogo aberto e paixão continua intacta.

Clique e confira!